Country Selection Message

Continue Button Label

Pedro Bianchi Prata sobe ao pódio em Reguengos

01.10.2020

Piloto do Marco de Canaveses foi 3º entre os veteranos

Piloto do Marco de Canaveses foi 3º entre os veteranos

Uma semana depois de ter competido na Baja TT do Pinhal onde venceu entre os veteranos na jornada da Taça do Mundo de Bajas, Pedro Bianchi Prata disputou em Reguengos de Monsaraz a Baja TT Capital dos Vinhos, terceira jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno 2020.

Esta dupla jornada com tão curto intervalo revelou-se bastante dura para pilotos e máquinas. Para Pedro Bianchi Prata a corrida ficou marcada por uma notória dificuldade de concentração ainda na fase inicial da corrida que o afastou da possibilidade de lutar pela vitória entre os veteranos. Aos comandos da Honda CRF 450 RX que estreou na Baja TT do Pinhal foi o 5º mais rápido no setor inicial da prova, melhorando no seguinte onde foi terceiro. No dia seguinte foi sempre o segundo mais rápido em prova, mas o tempo perdido na fase inicial da corrida apenas lhe permitiu alcançar a terceira posição.

Pedro Bianchi Prata sobe ao pódio em Reguengos

Para Pedro Bianchi Prata “o balanço é positivo, embora não fosse este o resultado desejado. No sábado cometi um erro. Falta de concentração. Não vi a placa de fim de zona de velocidade controlada e fiquei à espera que a placa aparecesse. Logo a seguir, por coincidência, havia outra zona de alcatrão que não era zona controlada de radar, mas eu pensei que fosse e acabei por perder muito tempo logo na primeira especial com este erro. Na restante parte da prova tentei compensar o tempo que perdi, fiz umas especiais um pouco melhores, mas ficou um pouco aquém do que eu estava à espera e consegui ir recuperando até 3º da classe.

Pedro Bianchi Prata sobe ao pódio em Reguengos

Faltou um minuto e pouco para ficar em segundo, mas o Paulo Santos esteve imparável, muito rápido o fim de semana todo e ganhou com larga vantagem. O João Miranda também andou muito bem, fez uma prova muito consistente. Fiz terceiro, era o lugar o lugar que eu merecia. A mota teve bem e a assistência também, correu bem, mas eu estive menos bem e agora há que continuar a trabalhar para a próxima corrida. Faltam duas corridas para o final do Campeonato e vou tentar dar o meu melhor em Portalegre e Idanha” afirmou Pedro Bianchi Prata à chegada a Reguengos de Monsaraz e no final de quase 300 quilómetros disputados ao cronómetro.

As cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, aceita o uso de cookies. Mais informações